Trombose Venosa Profunda: Sintomas, Causas e Tratamento

Tempo de leitura: 3 minutos

A trombose venosa profunda (TVP) ocorre quando o sangue localizado nas veias profundas sofre uma coagulação exagerada, levando à interrupção do fluxo sanguíneo nesses vasos.

Quando a trombose venosa profunda acontece nos membros inferiores (coxas e pernas), essa interrupção ocasiona dores intensas, principalmente nas panturilhas, inchaço, endurecimento das panturilhas (“batata das pernas”) e cianose em alguns casos. Os sintomas são semelhantes quando a TVP acomete os membros superiores.

Quem possui um maior risco de desenvolver a trombose venosa?

Algumas pessoas possuem um risco elevado para essa doenças, por possuirem condições na qual o fluxo sanguíneo fica lentificado ou por situações na qual o organismo encontra-se num estado favorável para formação de trombos, são elas:

  • Acamados ou com mobilidade reduzida
  • Portadores de neoplasias
  • Grávidas
  • Portadores de trombofilias
  • Idosos
  • Pessoas que se submeteram à cirurgias recentes
  • Obesos
  • Usuárias de anticoncepcionais

Quais as causas da trombose venosa?

As causas primárias podem ser dividas em três:

Lesão do vaso

Algumas cirurgias ou traumas que levam a lesão das veias apresentam um risco maior de acontecer uma coagulação exagerada dentro daquele vaso

Lentificação do fluxo sanguíneo

Situações como viagens longas de avião, mobilidade reduzida e obesidade levam à essa lentificação do fluxo, propiciando a trombose

Trombofilias

São doenças, algumas genéticas e auto-imunes, que por uma falta de anticoagulantes naturais ou presença de anticorpos levam à um estado no qual o sangue tem uma chance maior de coagular de forma exagerada.

Geralmente ocorre uma associação desses fatores, por exemplo, uma mulher que toma anticoncepcionais e faz uma viagem longa de avião, são dois fatores de risco associados, potencializando as chances de uma trombose acontecer.

Sintomas da trombose venosa: Como identificar?

Ela geralmente se manifesta de forma aguda e abrupta. Os sintomas mais comuns são:

  • Dor intensa
  • Edema
  • Empastamento (“endurecimento”) das panturilhas

Quando acomete as pernas o mais comum é acometer apenas uma perna, isso ajuda muito o médico vascular a fazer o diagnóstico da trombose, pois quando os sintomas de dor e edema são de longa data e se apresentam nas duas pernas, tendemos à afastar esse diagnóstico.

Exames para trombose

O principal exames que usamos para afastar a presença da trombose venosa profunda é o ultrassom venoso com doppler, esse exame é feito de maneira rápida e segura, além de não possuir nenhuma contra-indicação e pode afirmar com quase 100% de certeza que o paciente possui ou não a doença.

Tratamento

O tratamento é a base de medicamentos anticoagulantes como o Xarelto, Maravan ou Heparina (Clexane) e tem um média de 6 meses de duração, alguns pacientes com risco elevado tendem a usar a medicação por mais tempo.

Em casos muito graves e recentes pode ser tentado a desobstrução cirúrgica da veia acometida.

Além de medicações para ajudar no controle da dor e edema. Tendemos a prescrever meias elásticas após passado a fase mais crítica do problema.

Preparei esse vídeo onde eu explico um pouco mais sobre esse problema tão famoso e tão temido…Confira abaixo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *